Por que Jesus chorou por Jerusalém?

Igreja Dominus Flevit, JerusalémDe acordo com o capítulo 19 do Evangelho de Lucas, quando Jesus se aproxima de Jerusalém, ele olha para o Templo no Monte das Oliveiras e chora pela futura destruição da cidade. Ele prediz que os inimigos destruirão o Templo, sem deixar “pedra sobre pedra, porque não reconheceste a maravilhosa oportunidade que tiveste com a sua visitação” (Lucas 19:44)
A maioria das pessoas acredita que a frase “sua visitação” significa a visita de Deus na cidade, personificado em Jesus. Este não é o único significado possível. A palavra “visitação” em Grego é episkopē, que significa “zelar/tomar conta”. É a raiz da palavra “episcopal” que significa “próprio ou relativo a bispo”, o supervisor de uma igreja. Então Jesus também está falando que Jerusalém cairá porque seus habitantes não reconhecem sua obrigação de “zelar” por ela. A classe dominante estava muito ocupada com seus negócios para dar os devidos cuidados aos menos privilegiados e muito corrupta para dar o cuidado adequado ao caráter público da cidade. Como previsto, essa falta de “supervisão” resultou na destruição da cidade pelos romanos apenas quarenta anos depois da visita de Jesus.
By Jonathan A. Lipnick
Jonathan Lipnicki é doutorando em Estudos Cristãos adiantados na Universidade de Harvard. MA é formado em estudos religiosos da Universidade Hebraica de Jerusalém e da Universidade de Harvard e um BA em estudos religiosos da Universidade de Indiana.
Esta entrada foi publicada em Gospel Line. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Uma resposta a Por que Jesus chorou por Jerusalém?

  1. Jaime Guedes disse:

    Nossa isso tem tudo haver com esse vídeo aki – sermões – A vida de Jesus

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *